quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Sandro Di Lima é o novo diretor do IFG de Anápolis

Pedro Wilson, Marina Sant´Anna e Sérgio Dias prestigiaram posse de Sandro Di Lima como diretor do Instituto Federal de Goiás-Campus Anápolis. O Prefeito Antônio Gomide formalizou convênio para formação de professores da rede municipal de ensino da cidade.
O professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiás IFG Goiânia, Sandro Di Lima, tomou posse na manhã desta quinta-feira (13) como diretor-geral do Instituto Federal de Goiás – Campus Anápolis, em substituição ao professor Paulo Francinete Silva Júnior, que deixou a função para assumir o cargo de Pró-Reitor de Administração do IFG. O evento marcou também o lançamento das obras de construção da 2ª etapa do campus e a assinatura de convênio com a Prefeitura de Anápolis para oferta do curso de aperfeiçoamento de professores da rede municipal de ensino.
Para o deputado federal e membro da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, Pedro Wilson, a expansão do Campus do IFG em Anápolis representa o fortalecimento daquela cidade e de toda a região como referência do ensino tecnológico. “Anápolis é mais uma entre as centenas de cidades beneficiadas pelo plano de expansão e instalação de novos institutos federais de educação, ciência e tecnologia que tomam conta do país a partir da gestão do ex-presidente Lula e agora reforçada pela presidenta Dilma”, comemorou o deputado petista.
O reitor do IFG, Paulo César Pereira, em referência a Lula, afirmou que foi preciso um torneiro mecânico eleger-se Presidente da República para que houvesse essa verdadeira revolução no ensino tecnológico no Brasil.
Pedro enalteceu ainda a relevância do convênio que ampliará a formação de professores da rede municipal de Anápolis, especialmente porque incluirá a reciclagem de professores dos nossos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), menina dos olhos do ex-Prefeito de Goiânia e que estão sendo implantados pelo prefeito Antônio Gomide, em Anápolis. “Está de parabéns o prefeito Antônio Gomide, o reitor do IFG Paulo César Pereira, o MEC, o Ministério da Ciência e Tecnologia e o Ministério da Cultura que, por meio deste convênio, viabilizam a garantia de um futuro melhor para o motivo da existência da uma escola: os alunos”, concluiu.
Segundo a assessoria de comunicação do IFG, o curso de formação de professores tem duração total de 40 horas, divididas ao longo de reuniões semanais de duas horas. A segunda etapa de obras da unidade inclui a finalização do auditório, a construção da pista de corrida, da quadra de esportes, da lanchonete, das portarias e entrada de serviço e ainda a conclusão do estacionamento interno, dos laboratórios e divisórias da biblioteca.
Participaram da solenidade o Reitor do IFG, Paulo César Pereira, o Prefeito de Anápolis, Antônio Gomide, o deputado federal Pedro Wilson, a suplente de deputada federal Marina Sant´Anna (que deverá assumir o mandato a partir de fevereiro) – ambos do PT de Goiás – o diretor da Eletronorte, Adhemar Palloci, a Superintendente da Caixa em Anápolis, Marise Fernandes Araújo, o Secretário Extraordinário da da Prefeitura de Goiânia, Sérgio Dias, este representando o Prefeito da capital, Paulo Garcia, entre outras autoridades e membros da comunidade escolar.
Além de Anápolis, o IFG tem campi em Goiânia, Formosa, Itumbiara, Luziânia, Formosa, Uruaçu, Inhumas e Jataí.

Deputado Federal Pedro Wilson
Assessoria de Imprensa
Cláudio Marques (MTE 1534)
62  8543 3293
Twitter: claudio_mduarte

Um comentário:

  1. Parabéns Sandro! Desejo uma ótima administração!!!
    Fraterno abraço!

    ResponderExcluir